Publicidade

cotidiano

Ciclista morre na Santa Casa de Araraquara após 16 dias internado

José Roberto, de 50 anos, bateu em um carro na Via Expressa, permaneceu três dias sem identificação no hospital, mas não resistiu aos ferimentos

| ACidadeON/Araraquara -

Acidente envolvendo ciclista foi registrado nesta sexta-feira (22) na Via Expressa (Foto: Milton Filho/acidade on)
 
Após 16 dias internado, morreu na Santa Casa de Araraquara o ciclista que se acidentou na Avenida Maria Antônia Camargo de Oliveira, a Via Expressa, no dia 22 de julho. Ele permaneceu três dias sem identificação. 

José Roberto de Lima Silveira, de 50 anos, descia pela Avenida Djalma Dutra quando teria cruzado uma das pistas da via, avançado o canteiro e atingido um carro que seguia no sentido Rodoviária Centro. 

Com o impacto, a vítima sofreu traumatismo craniano. Uma ambulância particular prestou os primeiros atendimentos até a chegada da Unidade de Suporte Avançado (USA) do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).  
 
 
VEJA TAMBÉM  

Ciclista não identificado está na UTI da Sta Casa de Araraquara 
 
Ciclista é identificado após três dias na Santa Casa de Araraquara
 

Após ser estabilizado, o ciclista foi encaminhado para a Santa Casa de Araraquara para receber atendimento especializado, mas morreu duas semanas depois. 

IDENTIFICAÇÃO
O acidente aconteceu na tarde de sexta-feira (22), mas sem documentos, o ciclista só foi identificado por familiares na tarde da segunda-feira (25). 

Segundo a família, José Roberto, que é de Sorocaba, se separou da esposa e se mudou para Araraquara há 3 anos para trabalhar com reciclagem.  

O corpo da vítima foi levado para sua cidade natal, onde será velado e enterrado. 
 
LEIA MAIS  

O que significa a internet 5G para o Brasil?


Mais notícias


Publicidade